segunda-feira

O PSD nos Media

Nem todas as propostas feitas no final do congresso são novas. Marques Mendes já tinha defendido a transferência de algumas actividades do Estado para os privados, num dos últimos debates mensais com o Primeiro-Ministro na Assembleia da República. José Sócrates respondeu-lhe logo sobre o sector dos transporte: quem é que pegará em empresas tão endividadas ?
Também os contratos de rescisão amigável na função pública já tinham sido tema de uma entrevista ao Diário Económico - precisamente no dia em que Marques Mendes formalizou a sua candidatura ao PSD.
Os sociais-democratas têm-se queixado da dificuldade em chegar aos media em contraste com a facilidade do governo socialista. No congresso deste fim-de-semana foram apontados erros na comunicação do partido. As escolhas para a nova direcção, marcadamente técnicas, não deixam prever grandes alterações neste ponto. Mas os discursos de Marques Mendes, de abertura e encerramento, curtos e concretos, descolaram da repetição tipo-cassete abstracta que vinha marcando a comunicação do líder do PSD. Basta lembrar os discursos do último congresso, há dois meses. Desta vez, os media ainda estão, no dia seguinte, a discutir as propostas da Póvoa de Varzim.

P.S. O primeiro desaire chegou esta tarde de Bruxelas, via Lusa.

3 comentários:

Anónimo disse...

Where did you find it? Interesting read »

Anónimo disse...

What a great site »

Anónimo disse...

Enjoyed a lot! »