sexta-feira

Equilíbrio carreira-família: Tudo é relativo

Um membro mediático de uma certa empresa bebia copos com um grupo de jornalistas no dia em que a filha fazia anos. Essa empresa acaba de ser eleita a que promove o melhor equilíbrio carreira-família. Os estudos são sempre relativos…

7 comentários:

Mauzinho disse...

E a filha quantos anos tem? Se calhar já estava a festejar o aniversário com os amigos nalguma discoteca.

Anónimo disse...

Quem era o gajo? Quem era o gajo?

luísa disse...

Exactamente. Tudo é relativo. O que importa, é que falem de nós pelas "boas práticas", não que tenhámos boas práticas.
[A propósito dos comentários anteriores: Marisa, pelo menos nós, por dever de ofício, sabemos do que falamos...]

Mauzinho disse...

Ó Luísa, se não é dito a que horas a coisa aconteceu nem que idade a menina tem, é obvio que a referência aos comentários anteriores é apenas de quem tem a MANIA que sabe do que fala. Escusava de ouvir esta.

Anónimo disse...

Boa!É d'homem!Ah, valente!

escola de lavores disse...

Do press-release sobre o evento em epígrafe:
"A UNICER – Bebidas de Portugal, S.A., na categoria de grandes empresas e a Microsoft Portugal, na categoria de pequenas e médias empresas foram as vencedoras do Prémio Empresa Mais Familiarmente Responsável, iniciativa da Deloitte e da AESE. De acordo com a decisão do Júri estas foram as empresas portuguesas que mais favoreceram a conciliação da vida profissional com a vida familiar. À semelhança da edição anterior, decidiu ainda o Júri atribuir uma menção honrosa à empresa HUF Portuguesa."

Marisa disse...

Se não soubesse do que falava, não tinha falado. A própria pessoa em questão sentia-se culpada.