quinta-feira

não estou a perceber

Há aqui duas coisas para as quais não encontro sentido. Primeiro, não faz sentido que uma administração interfira no plano editorial para acabar ou fazer um programa. Segundo, não faz sentido que uma administração alegadamente socialista e alegadamente amiga de sócrates, tome um decisão destas em cima das eleições. há amigos desastrados, eu sei, mas tanto?????

2 comentários:

ATRIBUTOS disse...

Pois minha cara,

eu, só comentei assim

http://atributos-1.blogspot.com/2009/09/ja-era-de-se-esperar.html

Melhores cumprimentos

José Magalhães

José Freitas disse...

"Não faz sentido que uma administração interfira no plano editorial para acabar ou fazer um programa".
Sempre houve interferências, sempre as haverá. Quem manda nas empresas, bem ou mal ou mais ou menos, são as administrações.
Quantos programas - mesmo de informação - não foram riscados por decisões de administrações?