terça-feira

Dizer, mas de forma positiva...

"Diz que disse" é o nome do novo jornal de distribuição gratuita que faz a cobertura do jet set... fartei-me de rir depois de Cristina Mohler - sim, a apresentadora de tv -, directora do dito jornal, ter explicado que o jornal irá explorar os temas de forma positiva. E eu imaginei logo como é que se poderia explicar de forma positiva que a Elsa Raposo tinha tentado cortar os pulsos??? Imaginem: "Elsa Raposo tenta fazer tatuagem em casa"???? ou "Cinha Jardim inovou na cirurgia plástica - saiba como conseguiu ficar com uma bochecha maior que a outra"... Estou ansiosa para ver as notícias deste jornal cor-de-rosa e super optimista!

2 comentários:

escola de lavores disse...

Dizer mal mas de forma positiva é mais ou menos assim: 'jornalistas' cheios de vontade de dizer bem, mas só se pode dizer mal - ou será ao contrário, tipo: "Cinha Jardim inova na cirurgia plástica, correndo risco de defeito fisionómico, em prol do progresso da ciência" ou "Elsa Raposo, soma e segue na lista de Ex; opiniões dividem-se sobre se o desgosto lhe deu para automutilação ou é mais uma vítima de violência doméstica. De qualquer forma vai descrever a sua experiência em livro autobiográfico, já best-seller."

Ana disse...

Lindo! Ainda és pior que eu!!!